Me aposentei sem a ajuda de um advogado. Posso pedir revisão da minha aposentadoria?


Quando o segurado se aposenta é muito importante que faça uma análise do benefício concedido para verificar se não há algum tipo de erro, pois é comum encontrar divergências nos bancos de dados da previdência.


Vale lembrar que mesmo nas aposentadorias concedidas com a ajuda de um profissional deve ser verificado a possibilidade de alguma revisão, que poderá ser proposta pelo próprio advogado que lhe auxiliou a conseguir sua aposentadoria.


Mas porque esses erros ocorrem?


São diversos os motivos que levam a necessidade de promover uma revisão em função dos erros cometidos pelo INSS, como: contribuições com valores incorretos, a não concessão do melhor benefício, erro no cálculo, falta de algum período ou salário de contribuição, pelas constantes mudanças na legislação, tempo especial e/ou benefício por incapacidade (auxílio-doença) não considerados no cálculo e outros.


Depois de quanto tempo da concessão da aposentadoria posso pedir minha revisão?


Não existe um prazo mínimo, identificando algum erro na concessão da aposentadoria é possível pedir a revisão imediatamente. Já o prazo máximo para requerer a revisão, em regra, é de 10 anos.


Por isso a importância de consultar um advogado especializado em direito previdenciário que poderá lhe orientar sobre o melhor caminho para conseguir seu benefício junto a Previdência Social.


Gostaram da dica? Curtam, comentem e compartilhem!

18 visualizações0 comentário